Biblioteca Virtual
Envie sua mensagem para a Biblioteca Virtual
Fale Conosco
Conheça a Biblioteca Virtual e saiba o que podemos fazer por você
Quem Somos

Turismo: Interior: REGIÃO DE ATIBAIA E BRAGANÇA PAULISTA

Tamanho do texto   A A A

A região de Atibaia e Bragança Paulista é muito procurado pelos habitantes da Região Metropolitana de São Paulo e Campinas por sua proximidade (menos que 100 km dessas localidades) e por sua variada gama de opções de lazer, sobretudo como destino para turismo de final de semana.

As cidades desse roteiro oferecem bons locais para pesca e prática de esportes náuticos, devido à presença de diversas fontes de água e represas que abastecem, principalmente, as cidades da Grande São Paulo. Estrategicamente localizadas no início da Serra da Mantiqueira, próximas à divisa de Minas Gerais, as cidades oferecem clima de montanha e têm forte apelo ecoturístico. A região é propícia para as pessoas que procuram esportes e atividades que tragam contato com a natureza.

Atibaia

Cidade a apenas 65 km de distância da cidade de São Paulo, Atibaia preserva o ar interiorano com uma boa infra-estrutura de serviços e atrações para os turistas. A cidade é conhecida por ter um dos mais saudáveis climas do mundo, influência de sua proximidade com a Serra da Mantiqueira, favorecendo a sua produção de flores e morangos.

Atibaia atrai um público diversificado, que busca descanso e lazer para a sua família nas festividades, como a tradicional Festa do Morango, edifícios históricos e parques bem cuidados, ou que deseja alguns momentos de aventura nos 1.500 metros de altura da Pedra Grande (ponto de encontro da galera do vôo livre e dos praticantes de caminhada e escalada esportiva).

Uma forma de conhecer a cidade é utilizando o passeio de Maria Fumaça, com saídas programadas no Museu Ferroviário de Atibaia.

Links Relacionados

Bragança Paulista

Segundo o historiador José Roberto Vasconcellos, uma italiana, de nome Palmira Boldrini, em 1911, iniciou a comercialização de uma lingüiça, tipo caseira, feita de pernil de porco, a qual ficou conhecida na época como "lingüiça da Dona Palmira de Bragança". Em sua casa, na Praça José Bonifácio, 8, Dona Palmira preparava a lingüiça que chegava às repartições públicas da cidade de São Paulo. Vendedores percorriam a região bragantina, com suas camionetas ou furgões, levando a lingüiça da terra.

Nos restaurantes, nos bares, nos açougues e até mesmo à margem das rodovias de acesso a cidade, a famosa "Lingüiça de Bragança" pode ser encontrada.

A cidade é bastante procurada durante o inverno, época em que ocorre o tradicional Festival de Inverno de Bragança Paulista. O núcleo central do festival fica nas paisagens rurais do Bairro Serrinha, onde acontecem os principais shows, oficinas e cursos. Há também uma programação na cidade e uma exposição que encerra o evento.

Também vale a pena conhecer o cartão postal da cidade, o lago do Taboão. Esse é um lugar belíssimo com um completo equipamento de lazer com pista de cooper, quadra de areia, quadra de basquete e playground. Em torno do lago o turista encontra diversas opções de bares, restaurantes e lanchonetes.

Links Relacionados

Joanópolis

Joanópolis está situada nos contrafortes da Mantiqueira, sendo considerada manancial de águas, possuindo importantes nascentes e a represa do Sistema Cantareira.

Cercada pelas altas montanhas da Serra do Lopo, alterna-se entre vales e morros por onde correm seus riachos formando exuberantes cachoeiras, entre elas a Cachoeira dos Pretos com mais de 150 metros de queda. A história deste município tem origem nas antigas rotas de bandeirantes e de desbravadores que dirigiam-se as Minas Gerais, existindo menção desta região já em 1749.

Para quem gosta de estrada de terra, os jipeiros, motocross e congêneres podem se aventurar pelas estradas que ligam Joanópolis ao sul de Minas Gerais, além é claro da belíssima estrada que vai para São Francisco Xavier, cuja aventura pode começar por estradas de Piracaia, passando pelo bairro da Cachoeira dos Pretos, indo pelo Retiro, chegando a São Francisco, e quem quiser uma dose extra pode chegar até Monteiro Lobato. Esta estrada é rica em riachos e cachoeiras, sendo que alguns trechos lembram regiões européias.

Links Relacionados

Piracaia

Piracaia significa, no idioma dos índios, "cardume de peixes". Localizada na Serra da Mantiqueira, possui muitas cachoeiras, algumas ainda desconhecidas, montanhas, trilhas, visuais de rara beleza, trilhas para caminhadas, passeios de bicicleta, moto ou cavalo. É circundada por enormes represas que oferece a seus visitantes opções para a prática de pesca e esportes náuticos.

Inaugurada em 1891, a Igreja Santo Antonio da Cachoeira é um ponto Turístico de maior importância no cenário religioso da cidade. No teto da nave são retratados todos os Papas, desde São Pedro até João Paulo II (além da matriz, apenas a Basílica do Vaticano possui tal figuração).

O Santo Cruzeiro fica localizado no morro da Penha e possui 14 metros de altura. É considerado o maior crucifixo do mundo, e faz parte importante na História e cultura de Piracaia. Do alto do morro tem-se uma visão privilegiada da cidade. O acesso pode se dar por uma escada gigante de aproximadamente 500 degraus, ou por uma estrada de asfalto.

A Pedra do Carmo, distante 40 km do centro de Piracaia, permite conhecer um visual exuberante de toda a região. Com 1.920 metros de altitude, o lugar tem o apelido de "Vale Perdido" por ser tão bonito e tão distante da área urbana.

Links Relacionados

TURISMO NA CAPITAL
TURISMO NO LITORAL
TURISMO NO INTERIOR
 BIBLIOTECA VIRTUAL

Não encontrou a informação que procurava?

Envie sua mensagem pelo formulário Fale Conosco e receba a informação que deseja.

Acompanhe as notícias da Biblioteca Virtual pelo Twitter

Biblioteca Virtual do Governo do Estado de São Paulo on Facebook

BIBLIOTECA VIRTUAL DO GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO
Subsecretaria de Comunicação da Casa Civil

Facebook Twitter Google Plus Blog da Biblioteca Virtual YouTube